quinta-feira, 18 de abril de 2013

Futebol de salão - História - Origem (Educação Física - Esportes)



O futebol de salão é também conhecido por futsal, aqui no Brasil. Trata-se de um futebol adaptado do campo para a quadra. Portanto, pode-se dizer que ele é mais comumente praticado pela população em geral, do que o futebol de campo, já que encontramos muito mais quadras do que campos de futebol.

Sobre a sua origem, há duas versões distintas:

1) a primeira afirma que o futsal começou a ser praticado em São Paulo, em 1940, na Associação Cristã de Moços (ACM), por falta de campos disponíveis à prática do futebol. Afirma-se que as partidas disputadas em quadras eram jogadas por times que variavam a quantidade de jogadores entre cinco a sete. Porém, foi definido que ficariam cinco jogadores em cada time;

2) a segunda é bastante diferente e tida como a mais provável entre as duas. Essa versão indica que o futebol de salão teve um idealizador, o professor Juan Carlos Ceriani, que trabalhava na Associação Cristã de Moços de Montevidéu, no Uruguai. O ano indicado para sua criação é 1934.

A primeira edição das regras aconteceu em 1956, em São Paulo, pelo Professor Luiz Gonzaga de Oliveira Fernandes. Mas, em 1957, a Confederação Brasileira de Desportos tomou medidas para centralizar as decisões do futebol de salão, criando o Conselho Técnico de Assessores de Futebol de Salão. Em 1979 foi criada a Confederação Brasileira de Futebol de Salão, que começou a sua vigência a partir de 1980.

A entidade máxima organizacional do futebol de salão, Federação Internacional de Futebol de Salão (FIFUSA), foi criada em 25 de julho de 1971, a partir de uma reunião com representantes dos seguintes países: Brasil, Uruguai, Argentina, Bolívia, Paraguai, Peru e Portugal. A FIFUSA organizou os primeiros três campeonatos mundiais dessa modalidade, tendo os outros montados sob os cuidados da FIFA (Federação Internacional de Futebol). Os campeonatos também são organizados a cada quatro anos, seguindo o padrão do campeonato de futebol de campo. Dos nove torneios mundiais oficiais, o Brasil venceu seis; a Espanha teve duas vitórias; e o Paraguai uma.

A partir das regras oficiais, tem-se que as dimensões da quadra para a prática do futsal devem medir 40m de comprimento X 20m de largura. As linhas que demarcam o limite da quadra devem estar localizadas a dois metros de qualquer obstáculo que a circunde, como grades, alambrados, telas ou paredes. Além disso, todas as linhas demarcatórias na quadra devem medir oito centímetros de largura.

A partida é iniciada com o confronto de duas equipes, cada qual com cinco jogadores, dos quais um deve ser o goleiro. O número permitido de reservas é de sete jogadores. É interessante notar que não há limites para substituições. A partida tem duração de quarenta minutos, dividida em dois tempos de vinte.

Para finalizar, serão apresentados os principais fundamentos desse esporte:

- Domínio de bola: o ato de o jogador dominar a bola é feito, geralmente, com a sola do pé sobre a bola, fato que o diferencia do futebol de campo;

- Passe: é o ato de transferir a bola de seu domínio para o domínio de outro jogador do mesmo time;

- Condução: caracteriza-se pelo jogador movimentar-se pelo espaço de jogo, com a bola sob seu controle;

- Recepção: trata-se da interrupção de passes;

- Chute: Existem diversas situações em que ele ocorre, mas trata-se, de modo geral, do ato de o jogador golpear a bola com o pé;

- Cabeceio: Ato de direcionar a bola com a cabeça, a partir de uma bola alta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário